Desenhados um para o outro - Aline & R. Crumb

Oi vocês,

Há um tempinho a Companhia das Letras me enviou o livro “Desenhados um para o outro”. A obra conta a história do casal de quadrinistas Aline e R. Crumb e hoje eu vou falar minhas impressões.

Título Original: Drawn Together
Autores: Aline & R. Crumb
Tradução: Érico Assis
Editora: Quadrinhos na Cia. 
Páginas: 272
Sinopse: Abrangendo quatro décadas de uma colaboração artística e romântica sem igual, Desenhados um para o outro é um retrato hilariante dos Crumb, um casal singular na sua excentricidade e adoravelmente infame. O livro documenta a saga do relacionamento boêmio dos dois, retratando a confusão, a violência e a constante (e maravilhosa) sordidez que é o dia a dia chez Crumb: colapsos nervosos, neuroses, desastres na educação dos filhos, conjunções carnais repletas de fluidos e muito mais. O escopo cronológico de Desenhados um para o outro também serve ao panorama contracultural e de exilados dos Estados Unidos por quase meio século. As histórias começam nos morros do norte californiano, com singelos passeios pela Haight-Ashbury, e vão até uma louca e malfadada aventura pelo deserto do Arizona. Os hippies dos anos 1970, os yuppies dos anos 1980, o nascimento da filha Sophie, o êxodo do casal para a França, está tudo aqui. Este volume extraordinário mostra como essas duas almas profundamente cativantes, neuróticas e atormentadas encontraram a redenção ao se autodesenhar.


“Desenhados um para o outro” é uma coletânea que reúne todas as HQs desenhadas pelo casal Crumb de 1974 a 2011. 
Apresentados por um amigo em comum, o casal se deu bem instantaneamente e isso é visível na obra, uma vez que todas as histórias (desenhadas à quatro mãos) mostram a cumplicidade e companheirismo que os dois nutrem nesse relacionamento. 



A obra é praticamente um documentário com diversos detalhes explícitos do que foi e é a vida do casal até os dias de hoje. 
Eu não os conhecia e fiquei muito feliz de vê-los de uma maneira tão íntima e única. É possível distinguir os traços e suas personalidades de maneira rápida e fácil. Uma coisa que eu adorei é poder acompanhar o aperfeiçoamento das técnicas de ambos, mas sem perder a essência de suas histórias. Outra coisa bacana é que mesmo que plano central de suas HQs seja o casal, é possível compreender o cenário em que tudo se passa, isso enriqueceu bastante a obra. 



Como a própria orelha do livro fala, é muito encantador acompanhar a forma como os dois se encontraram e salvaram-se ao longo desses anos. Para quem gosta de HQs ou procura algo diferente para ler, eu aconselho bastante a leitura. 

Beijinhos,

7 comentários

  1. Olá!
    Eu fiquei confusa a respeito de uma coisa na sinopse: violência? Como isso se encaixa? Porque, pelo que eu entendi, a HQ, de alguma forma, é a biografia deles, não é? Ou entendi errado? Bom, achei bacana a proposta da publicação, trabalhar a quatro mãos não deve ser simples, ainda mais por se tratar de um casal, uma vez que a vida pessoal acaba interferindo de uma forma ou de outra. Deve ser uma leitura curiosa ^^

    ResponderExcluir
  2. Oi Ani!

    Olha, eu até gosto de HQs, é inclusive algo que aconteceu há pouco tempo na minha vida, abrir espaço pra presença delas... Mas essa não chamou minha atenção, principalmente pelo cunho biógrafico, que é algo que não me atrai.

    ResponderExcluir
  3. Confesso que achei muito interessante a proposta da obra, acredito que tenhamos muitos ensinamentos a adquirir com um casal tão unido.
    Ótima sugestão!
    Abraços! 😊

    ResponderExcluir
  4. Oii!
    Adoro HQs e fiquei curiosa com a proposta do livro! Ainda mais depois da sua recomendação <3

    bjs

    ResponderExcluir
  5. Olá! Até vir ler essa resenha, não tinha nem ouvido falar sobre essa HQ. Achei interessante demais o casal ter colocado sua vida nos quadrinhos, ter usado a convivência e as experiências pra criar essa obra. Eu acho muito gostoso de ler histórias assim onde o autor, no caso, autores, usam coisas que acontecem no dia a dia. E com certeza, deve ser mais divertido de ler pelo fato deles serem tão incomuns, com hábitos e culturas diferentes das quais costumamos ver. Adorei a dica!

    Bjoxx ~ www.stalker-literaria.com

    ResponderExcluir
  6. que fofa essa hq, eu amo histórias em quadrinhos e to encantada com essa
    vc podia mostrar mais por dentro, fiquei curiosa rsr

    ResponderExcluir
  7. Oi, apesar de gostar de HQs, este não me chamou atenção, talvez por ser biográfico.
    Bjs Rose

    ResponderExcluir

Oi você, que bom que chegou até aqui, não esqueça de deixar um comentário.

- Criticas, duvidas, sugestões são sempre bem vindas!

Obrigada pela visita e volte sempre ;*

Contato: contato@entrechocolatesemusicas.com