Nossas Noites - Kent Haruf

Oi vocês,

Eu confesso que Nossas Noites estava parado há meses na minha estante... Eu olhava pra ele, ele sorria pra mim, mas eu nunca pegava para ler. Até que eu descobri que ele seria adaptado pela Netflix, daí eu tomei coragem e resolvi ler esse livro maravilhoso.
Leia a resenha e corra para o streaming para acompanhar a adaptação para essa obra.



Título Original: Our Souls at Night
Autor: Kent Haruf
Editora: Companhia das Letras
Páginas: 160
Sinopse: Em Holt, no Colorado, Addie Moore faz uma visita inesperada a seu vizinho, Louis Waters. Viúvos e septuagenários, os dois lidam diariamente com noites solitárias em suas grandes casas vazias. Addie propõe a Louis que ele passe a fazer companhia a ela ao cair da tarde para ter alguém com quem conversar antes de dormir. Embora surpreso com a iniciativa, Louis aceita o convite. Os vizinhos, no entanto, estranham a movimentação da rua, e não demoram a surgir boatos maldosos pela cidade. Aos poucos, os dois percebem que manter essa relação peculiar talvez não seja tão simples quanto parecia. Neste aclamado romance, Kent Haruf retrata com ternura e delicadeza o envelhecimento, as segundas chances e a emoção de redescobrir os pequenos prazeres da vida que pode surpreender e ganhar um novo sentido mesmo quando parece ser tarde demais.



Nossas Noites é o último trabalho publicado do renomado Kent Haruf e foi publicado pela Companhia das Letras. O enredo traz a história de dois vizinhos septuagenários Addie Moore e Louis Waters que decidem passar as noites juntos para ter alguém para conversar.



A ideia partiu de Addie que um certo dia resolveu visitar Louis e propor que ele passe a noite na casa dela para que eles tenham alguém para conversar e se esquentar. Ela não queria nada relacionado a sexo ou romance, só queria que as noites dela não fossem tão solitárias como estavam sendo.
Os dois são viúvos há muito tempo e levam a vida de maneira monótona, essa proposta de Addie era uma forma de fazer com eles conversassem mais e saíssem da rotina. De início Louis fica um pouco receoso de aceitar o convite e tentar passar só uma noite com a certeza que não dará certo. Só que dá! E dá muito certo, os dois passam a terem noites muito mais prazerosas e os dias cheios de expectativas para que possam ficar juntos. 



A nossa protagonista é uma mulher muito a frente, não liga para a opinião dos outros e não se importa de se tornar o assunto principal da rua. Isso dá coragem para que Louis também aja da mesma forma.
Em uma semana, o filho de Addie diz que está passando por problemas financeiros e conjugais e pede para que ela fique cuidando de Jamie, filho dele. O menino só tem 5 anos e fica muito assustado nos primeiros dias com a avó, por isso, ela conta com a ajuda de Louis para fazer com que o pequeno Jamie se sinta mais à vontade com a nova realidade temporária. 
A obra vai seguindo os dias do não-casal e mostrando a convivência deles se fortalecendo até que a amizade não é o suficiente para descrever os dois e isso é muito bonito! Porque o autor criou um enredo tão palpável e real que é impossível não torcer ou amar Addie e Louis. 



Mas como nem tudo são flores nessa vida, Gene – filho de Addie – volta e resolve que se ele é infeliz todos devem ser. Eu juro para vocês, todas as cenas que ele aparecia eu tinha vontade de gritar com ele e falar pra ele seguir a vida dele sozinho e deixar os outros em paz. Sério, o que ele fez não tem perdão, foi cruel e desumano, mas vocês só vão saber quando ler a obra.
Nossas Noites é um livro tranquilo e rápido, possui apenas 157 páginas e é uma leitura rápida, a única coisa que me incomodou é que a obra não tem indicação de diálogo, como foi meu primeiro contato com a escrita do autor, não sei se é comum, mas com o tempo você se acostuma. Os capítulos são curtinhos e a capa tem tudo a ver com a história.
O livro ganhou uma adaptação pela Netflix e está disponível a partir de hoje, 29, no streaming. Jane Fonda fará o papel de Addie e Robert Redford fará o papel de Louis, já estou ansiosa para conferir o longa. Em suma, por favor, leia Nossas Noites e se encante como eu. 

“Bem, você está aqui agora.
É aqui que eu quero estar agora.”




Beijinhos, 

13 comentários

  1. Já senti a fofura da leitura na sinopse, parece ser encantadoura.
    Não sabia da estréia do Netflix e como não acredito que vou ler o livro, vou ver na tv, adorei a dica de uma história "gente como a gente", as vezes isso faz falta né?!

    Bom fim de semana.
    https://cabinedeleitura0.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi Ani!
    Eu amoooooooooooo quando livros são adaptados pela Netflix <3
    Não conhecia este, mas já coloquei na lista, rs.
    E se é para me encantar, vou colocá-lo a frente de algumas leituras, rs.
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. quero assistir a adaptação mas só depois que fizer a leitura...deve ser uma história linda... foi indicação de um amigo, qualquer hora pego emprestado com ele pra ler...
    bjs ^^

    ResponderExcluir
  4. Olá, eu não li esse livro mais pretendo assistir ao filme na Netflix. Esse livro me parece super fofo

    ResponderExcluir
  5. Olá!

    Eu também quis socar o Gene, que cara chato! Quase chorei com o final, de tão fofo e triste que é. Obrigada pelo empréstimo, agora vou correr pra Netflix pra conferir se está à altura ou não.

    ResponderExcluir
  6. Achei muito legal a sinopse da história e que bom que virou um filme na Netflix.
    Beijos
    Mari
    Pequenos Retalhos

    ResponderExcluir
  7. Oi, tudo bem?
    Não conhecia o livro, acabei de ver uma postagem sobre ele em outro blog, e já vou pesquisar na Netflix rs...

    Beijos

    Até a próxima!

    ResponderExcluir
  8. Oi Ani senti o amor só de ler a sinopse, quem sabe essa nova companhia seja sua única salvação para não entrar em depressão, não sabia que teria filme e quero assistir para ontem, acho que chorarei um rio imenso ahahhaha dica anotada e parece ser uma história linda.
    Beiijinhos

    ResponderExcluir
  9. Oi Ani, não gosto de pegar livros com falta de indicação de diálogos. Me confunde toda a leitura. Não sei porque as editoras fazem isso... ou o autor...
    Bjs, Rose

    ResponderExcluir
  10. Eu quero muito ler esse livro, sério. Ele parece ser maravilhoso demais, delicado, bonito. E minha vontade só aumentou quando soube do filme na Netflix. Assim que puder, lerei-o.

    ;*

    ResponderExcluir
  11. Oi, tudo bem?
    Gostei bastante do enredo do livro mas confesso que vou assistir só o filme pois tenho muita coisa aqui na fila pra ser lida.
    Bjs

    ResponderExcluir
  12. Olá!
    Que legal!
    Achei bem interessante essa dica. Mas acho que inicialmente pegarei o filme pra assistir e depois leio o livro. Gosto de comparar, mas não to conseguindo dar conta de tantas leituras que ainda preciso fazer.
    Beijos!

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir
  13. Olá, tudo bem? Siim, eu também fiquei curiosa sobre o livro após saber da adaptação. Sua resenha me deixou mais instigada ainda, e com expectativas do que pode vir. O enredo sai um pouco da minha zona de conforto, mas pelos elogios dado tenho que arriscar. Ótimas palavras!
    Beijos,
    diariasleituras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Oi você, que bom que chegou até aqui, não esqueça de deixar um comentário.

- Criticas, duvidas, sugestões são sempre bem vindas!

Obrigada pela visita e volte sempre ;*

Contato: contato@entrechocolatesemusicas.com