Sejamos Todos Feministas - Chamamanda Ngozi Adichie

Oi vocês,

Sempre que possível eu dou uma olhada nas obras gratuitas na Amazon e fiquei muito feliz em ver que a Companhia das Letras disponibilizou o e-book de Sejamos Todos Feministas de Chimamanda Ngozi Adichie. Confira a resenha:


Título Original: Sejamos Todos Feministas
Autora: Chimamanda Ngozi Adichie
Editora: Companhia das Letras
Páginas: 87









Nós sabemos – ou espero que saibamos – a importância de debater o feminismo hoje em nossa sociedade. Infelizmente, há diversos grupos que tentam difamar ou desconsiderar a luta pela igualdade, e por isso esse tema precisa sempre estar em debate.
O que é o feminismo? O que significa ser feminista hoje em dia? Por que esse movimento é tão importante para libertar mulheres e até mesmo os homens de diversas situações enraizadas em nossa cultura? Esses e outros questionamentos estão presentes nesse discurso da autora.



Chimamanda se lembra da primeira vez que foi chamada de feminista, ela relata sobre o dia e a forma como ela achou que ser feminista era o mesmo que apoiar o terrorismo, até que pesquisando melhor, percebeu que sim, era feminista e que ainda bem que era.
A nigeriana mostra neste ensaio a forma como em seu país a diferença entre gêneros é mais gritante do que aqui por exemplo, e a importância que a luta feminista tem para que tenhamos um futuro mais justo para nós e principalmente para nossas crianças.



Adichie procura mostrar diariamente que é possível ser feminista sem perder a feminilidade e que diferente do que muita gente pensa, nós mulheres, não queremos ser maiores que os homens, apenas queremos ser tratadas da mesma forma.
Durante o discurso, a autora nos traz diversos elementos que convivemos e achamos natural por toda a criação que tivemos. Como, por exemplo, um homem ser elogiado por simplesmente trocar uma fralda, sendo que a esposa faz o mesmo e – por muitas vezes mais que isso – não recebe um elogio. Afinal, é para isso que somos criadas, não é mesmo? Outro exemplo muito comum é a mulher precisar estar acompanhada para conseguir algum prestigio ou credibilidade. Ela cita um restaurante/baladinha local onde mulheres desacompanhadas não entram.



Mas de todos os relatos que ela cita na obra, o que mais me deixou pensativa foi de quando ela ainda era uma criança e a professora disse que o aluno que tivesse as melhores notas e o melhor comportamento ganharia a chance se ser o representante de sala. Chamamanda fez o melhor que poderia, foi a primeira da turma em tudo, porém, quem ganhou o título de representante de sala foi um outro aluno. Para ser representante era necessário ser homem. Isso marcou a autora e a fez questionar desde cedo o porquê dessas diferenças.

"Decidi parar de me desculpar por ser feminina. E quero ser respeitada por minha femininilidade. Porque eu mereço."

Ao ler “Sejamos Todos Feministas” é possível se sentir em uma conversa com a autora, ela é tão sincera e nos traz diversos relatos que nos faz pensar e refletir problemas que vivemos em nosso dia a dia.
Acho que a maior mensagem que a autora nos mostra nesse ensaio é que é necessário ensinar as nossas meninas – e a nós mesmos – que não devemos nos anular, modificarem suas personalidades para agradar uma terceira pessoa. Somos livres independente de nosso sexo e não devemos nos prender a isso. Que possamos sempre crescer e que as diferenças sejam cada vez menores.
Leitura mais que aconselhada.


"Seríamos bem mais felizes, mais livres para sermos quem realmente somos, se não tivéssemos o peso da expectativas do gênero."

Beijinhos,

14 comentários

  1. Olá!

    Ainda não tive o prazer de ler, mas essa obra deveria ser lida por todos, pois além de explicar como é ser feminista, com certeza vai tirar muitas dúvidas acerca do assunto.

    ResponderExcluir
  2. Oiii Ani tudo bem?
    Eu ainda não tive o prazer de realizar a leitura desse livro, mas não vejo a hora, é um assunto bastante importante e que deveria ser debatido mais vezes.
    Abraços

    ResponderExcluir
  3. Olá
    Falar sobre feminismo sempre é necessário, e apesar de ser uma obra curta pela sua resenha ela se mostrou bem completa. Já havia visto esse livro em alguns blogs, agora resenha essa é a primeira. Adorei as suas opiniões e espero poder ler o livro em breve. Até mais ver
    Bjs

    ResponderExcluir
  4. Oi, Ani
    É uma pena que o feminismo tenha que ser tão debatido ainda, né!
    Que bom que curtiu o livro assim. Eu tenho ele, mas ainda não li. Com certeza uma leitura válida, para nós mulheres e também para os homens.

    Blog Livros, vamos devorá-los

    ResponderExcluir
  5. Esse livro ta no meu kindle já! Super necessária a leitura ainda mais em tempos que nem as mulheres conseguem entender as premissas do movimento!
    Bjos

    ResponderExcluir
  6. Vou procurar agora no Kindle. Apesar de eu não gostar de intitular, que por você defender um certo tipo de direito faz de você uma: feminista, defensora dos animais, exército da salvação e atc.... por que eu acho que caí no mesmo paradigma de rotulagem rasa. Ou seja, quero defender o que eu acho certo e não me enquadrar em um título que eu seja apenas uma coisa. Mas sempre reflito nessas questões que "são veladas" e não parecem tão gritantes mas são sim uma separação como: brinquedos só para meninos e meninas, a mulher que não fez as tarefas de casa ou o marido que não comeu por que não tinha comida pronta, pelamor né! São questões como essas que ainda temos que debater e pensar por que ainda é assim que funciona. Gostei da forma de você descreveu e me interessei para ler, e o legal que é gratuito.

    memoriasdeumaleitora.com.br

    ResponderExcluir
  7. Olá! Que resenha maravilhosa, amei! Sim, feminismo deve ser sempre debatido, principalmente pelas confusões que as pessoas fazem. É uma leitura que todos devem fazer, para compreenderem mais sobre o assunto. Vou ler com toda certeza, beijos!

    ResponderExcluir
  8. Olá,

    Eu não me considero feministas, mas tenho conceitos que batem com o do movimento. Acredito que essa seja uma excelente obra para se reiterar sobre o que é o feminismo, ainda não li, porém li comentários muito positivos a obra e espero lê-la um dia.

    ResponderExcluir
  9. Olá Ani!
    Já tive o prazer de ler essa obra e super curti tudo nela, pois é um livro que faz o leitor pensar muito e isso é muito importante, né? Adorei ler sua resenha e preciso confessar que também fiquei marcada com o relato da escola, ela não ganhou por ser mulher. Um absurdo.
    Essa leitura é obrigatória para todos.
    Beijos

    ResponderExcluir
  10. Oi, tudo bem?
    Muito legal a Amazon disponibilizar esse livro. Eu não li, mas tenho uma noção do que se trata e parece bastante interessante.
    Quero muito ler outros livros da autora, todos parecem ter uma mensagem bem poderosa :)


    ourbravenewblog.weebly.com

    ResponderExcluir
  11. Oi!!
    O feminismo é um assunto que está em alta e tem que ser discutido cada vez mais.
    Eu tenho muita vontade de ler esse livro, pois é uma leitura informativa e ajuda formar opinião sobre esse assunto.
    Beijão!

    ResponderExcluir
  12. Ta aí um livro que gostaria de ler e conhecer um pouco mais sobre esse assunto do feminismo, na minha humilde opinião, acho que todos deveriam ler essa obra, pois você deixou vários aspectos importantes do livro em sua resenha.

    ResponderExcluir
  13. Olá, tudo bem? Um livro que todas as mulheres deviam ler. Sim, perder o mal esteriótipo de feminista está cada vez impossível afinal os homens e até as mulheres estão cada vez mais deturpando o significado. Que parte da história marcante mesmo. Já criança vendo essa diferenciação é de doer. Adorei demais a resenha e claro que dica anotada!
    Beijos,
    diariasleituras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  14. Olá! Precisamos falar sobre feminismo, para desfazer os tabus, os excessos e as mentiras em torno deles. Precisamos de uma sociedade igual para todos independente de gêneros e que isso se manifeste nas grandes, pequenas e cotidianas atitudes. Ótima indicação. Abraços!

    ResponderExcluir

Oi você, que bom que chegou até aqui, não esqueça de deixar um comentário.

- Criticas, duvidas, sugestões são sempre bem vindas!

Obrigada pela visita e volte sempre ;*

Contato: contato@entrechocolatesemusicas.com